www.scmb.maisbarcelos.pt

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



 
Notícias e Eventos
Reunião Comissão Executiva para levantamento de Estátua a S. Nuno de Santa Maria
17/11/2009

 

Na passada quinta-feira, 12 de Novembro, no Salão Nobre da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos, foi dado corpo a um projecto, que passa pela constituição e posse de uma Comissão Promotora do levantamento, em Barcelos, de um Monumento a São Nuno de Santa Maria, uma figura intimamente ligada à história local e nacional – o Condestável D. Nuno Álvares Pereira, herói da independência portuguesa, braço direito do Rei D. João I e senhor de imensas riquezas que trocou o fausto da sua fidalguia pelo recato do Convento do Carmo.
Não se pode olvidar o facto inquestionável de haver sido o homenageado 7.º Conde de Barcelos. Daí a justificação do sentimento de gratidão que tal ilustre personalidade infundiu em muitas instituições e cidadãos tocados ainda pela sua recente canonização. Esta iniciativa da Mesa da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos encontrou eco em muitos barcelenses, e foi causa directa para um encontro de instituições e personalidades convidadas a integrar a Mesa da dita Comissão Promotora.
Assim, após uma visita à exposição de Esculturas da autoria de artesãos barcelenses, que tinha como alvo único a figura de São Nuno de Santa Maria, foi oportunidade para uma recepção na Câmara Municipal, pelas 16 horas, tendo as atenções viradas para a presença de sua alteza D. Duarte de Bragança, Conde e Duque de Barcelos, que se dignou aceitar o convite e Presidir à referida Comissão de Honra. Foi então aprovada a Mesa da Comissão Executiva, presidida pelo Senhor Provedor da Santa Casa, com o Dr. Luís Damásio como Vice-Presidente e o Presidente da Junta de Freguesia de Barcelos como secretário.
Tanto o Senhor D. Duarte como o Senhor Presidente da Câmara de Barcelos, Miguel da Costa Gomes, proferiram algumas palavras de circunstância, protocolarmente inseridas no momento vivido, simples mas enaltecedores.
Relativamente à composição da Comissão Executiva, foi deliberado que às personalidades que tomaram posse poder-se-ão juntar outras consideradas necessárias para a efectivação do projecto.
A sessão prolongou-se por mais algum tempo dando azo a uma profícua e valiosa troca de ideias tendo sido aprovados os seguintes passos:
Conferência de imprensa com os órgãos de comunicação social locais e regionais, pedido de colaboração aos presidentes de Junta e párocos das freguesias a fim de sensibilizar a comunidade para a subscrição pública; abertura de contas em estabelecimentos bancários para onde poderão ser canalizadas as ofertas; distribuição de cartões e impressos alusivos à figura do homenageado; troca de ideias sobre a estátua e a localização da mesma; sugestões de nomes de artistas capazes de se encarregarem da obra; decisão final sobre a escolha do projecto aprovado que será submetida a discussão pública.


Voltar